Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO




PortugueseEnglishSpanishFrenchChinese (Simplified)Japanese

Combate ao Coronavírus

ACESSE AQUI
Novembro Negro – Acompanhe a programação de eventos do IF Baiano para o Mês da Consciência Negra
Atualizado em 19 de novembro de 2021 às 15h16 | Publicado em 10 de novembro de 2021 às 11h27

Durante todo o mês de novembro, os campi do IF Baiano realizam eventos on-line em celebração ao Dia da Consciência Negra

Compartilhe nas redes sociais:

Dia 20 de novembro é o Dia da Consciência Negra, data instituída pelo projeto de lei número 10.639, no dia 9 de janeiro de 2003. A data coincide com o dia da morte de Zumbi dos Palmares, grande líder da resistência negra e da luta pela liberdade, e é um momento marcado pela mobilização nacional pela luta antirracista e dedicado a reflexões sobre questões étinico-raciais. No IF Baiano, tradicionalmente, o mês de novembro conta com vasta programação em celebração ao Mês da Consciência Negra, realizada pelos Núcleos de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabi) dos campi. 

Acompanhe abaixo a programação para o mês em cada campus:

Serrinha

O Neabi do Campus Serrinha realiza nesta quarta-feira (10) o “Pós-evento” que traz uma Roda de Conversa sobre ser negro e a acessibilidade ao ensino, trazendo a perspectiva da representatividade no Campus com as estudantes Elaine de Lima dos Santos e Edna Santana dos Santos, do curso de Tecnologia em Gestão de Cooperativas. 

No mesmo dia, das 19h às 21h, o evento terá uma Mesa Temática sobre a construção histórica do racismo com a participação do palestrante convidado, Brian Kibuula, professor de História Antiga e Medieval da Universidade Estadual de Feira de Santana, e do professor de História do IF Baiano – Serrinha, Carlos Nássaro. Para acompanhar o evento, basta acessar o canal do Youtube do Campus Serrinha nos horários indicados.

Teixeira de Freitas e Uruçuca

O IV Arvorecer Negro, evento promovido pelo Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi) do IF Baiano – Campus Teixeira de Freitas, com a colaboração do Neabi do Campus Uruçuca, em celebração ao Mês da Consciência Negra, iniciou suas atividades nesta segunda-feira (8) e segue até o dia 11. Ainda é possível realizar inscrição como ouvinte através do site do evento e acompanhar a programação no Youtube do Campus.

Com o tema “A internet como palco de luta: ciberativismo negro e as disputas do mundo virtual à rua”, o evento traz uma série palestras e minicursos na programação. As discussões nos minicursos variam desde o uso das plantas medicinais na saúde da mulher até o preconceito linguístico nas redes sociais e a questão étnico-racial na literatura infantil.

Itapetinga

No dia 17 de novembro, às 18h, o Campus Itapetinga realizará a palestra “Memória da escravidão e a derrubada de estátuas” em celebração ao Dia da Consciência Negra. Na mesa, estarão o mediador, docente e coordenador do Neabi – Itapetinga, Chintamani Alves, e o palestrante convidado, o docente da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), Carlos Silva Jr., do projeto Salvador Entrevista. Para participar, basta acessar o canal do Youtube do Campus, não é necessário realizar inscrição.

Segundo Chintamani, a palestra problematizará quem são as pessoas homenageadas nos espaços públicos, o que se comunica, enquanto sociedade, ao selecionar determinadas figuras para serem reverenciadas e qual o significado de consagrar escravistas e colonialistas. O tema vem ganhando destaque em várias cidades do mundo, desde o assassinato de George Floyd, um homem negro, pela polícia americana em 2020. O fato levou milhares de pessoas às ruas em protestos antirracistas em todo mundo e, em alguns deles ou a partir dessas mobilizações, estátuas de escravistas e colonialistas foram removidas em diferentes países.

Alagoinhas

O Campus Alagoinhas celebra o Dia da Consciência Negra em evento que será realizado no dia 18 de novembro, às 15h, de forma on-line na Plataforma RNP. Para participar, basta entrar na sala virtual, no dia e horário indicados, sem necessidade de realizar inscrição. Trata-se de um sarau virtual com a temática “Arte também tem cor”.

Para o coordenador do Neabi do campus, Ronaldo Santana Chaves, a afirmação da cultura negra, através das músicas e poemas, visa propiciar momentos de escuta e reflexão. “Das canções e suas letras, afirmamos a potência do ser e estar no mundo denunciando as dores que atravessam séculos”, explica. 

Governador Mangabeira

Entre os dias 18 e 19 de novembro, o Grupo de Pesquisa em Meio Ambiente e Sociedades (Gemas) e o Neabi do IF Baiano – Campus Governador Mangabeira  realizarão o VIII Simpósio de Meio Ambiente juntamente com o evento em celebração ao Novembro Negro, com o tema  Conexões Afro-Ambientais: Ciência, sociedade e conhecimento numa perspectiva antirracista.

 As inscrições são realizadas via Plataforma SUAP até o dia 17 de novembro e o evento será transmitido através do canal do Youtube do Campus. A programação traz mesas com discussões sobre Educação Antirracista, Comissão de Heteroidentificação no IF Baiano, Mulheres Negras na Ciência e no Mercado de Trabalho  e Crises Ambientais, Econômicas e o Papel das Comunidades Tradicionais na Preservação do Meio Ambiente. Para saber mais sobre o evento, basta seguir os perfis do Instagram do Gemas, @gemas_ifbaiano, e do Neabi do Campus, @neabi_if_gmb.

 Senhor do Bonfim

O Campus Senhor do Bonfim promove nos dias 08, 16, 22 e 29 de novembro o evento Novembro Negro: Identidade, Desigualdade Racial, Racismo e Narrativas Negras. O objetivo do evento é realizar oficinas formativas durante o mês de novembro, oportunizando espaços para reflexões acerca de temas importantes para a construção de mentalidades coletivas antirracistas e afirmativas.

Para se inscrever, os interessados devem preencher este formulário digital. Para que obtenham certificado é necessário também realizar inscrição via Plataforma Suap. O evento acontecerá nesta sala virtual na Plataforma Google Meet. A programação traz os seguintes temas para discussão: Reflexões sobre Desigualdade Racial na Falência da Cidadania;  Identidade, Luta e Resistência; Racismo e Saúde Mental; Narrativas Negras e Liberdade.

Valença

A sétima edição do Seminário (Re)pensando Questões Afro-brasileiras: comunicação antirracista no cotidiano escolar, realizado pelo Campus Valença, acontecerá nos dias 18 e 25 de novembro. Para abrir esta edição, o Neabi de Valença em parceria com o Neabi do campus Catu preparou a atividade cultural “Na gira do vinil: discotecagem de Música Africana e Afrodiaspórica”,que será conduzida pelo professor Petry Lordelo, transmitida no Instagram do Neabi do campus Catu (@neabi_ifcatu).

No dia 25, a transmissão do evento será às 19h no canal do Youtube do Reafro Conecta, e a programação conta com a palestra Educação para quem? A sala de aula racializada como espaço de reescrita de histórias, conduzida pelo colaborador do Neabi – Valença, Sanadra Andrade, formado em Língua Inglesa e Literaturas pela Universidade do Estado da Bahia e com formação no LINGUAFRO da Universidade Federal de Uberlândia – um programa para professores de línguas estrangeiras a partir de uma perspectiva racializada, desestrangeirizada. Além da palestra, a noite contará com um Sarau de Poesias.

O evento tem como objetivo promover um amplo espaço de reflexão acerca da cultura e da identidade afro-brasileira entre servidores do Instituto, discentes e comunidade, mantendo um diálogo mais profundo com os estudantes da Especialização Reafro (Curso de Pós-graduação Lato Sensu em Relações étnico-raciais e Cultura Afro-brasileira). Segundo a coordenadora do Neabi do campus, Scyla Pimenta, a língua, enquanto elemento estrutural, reproduz valores, símbolos, hierarquias que remetem aos preconceitos histórico-culturais de nossa formação colonial e os fortalece . “O convite que fazemos é para conhecermos histórias, repensarmos palavras que fortalecem o racismo, debatermos práticas em sala de aula e assim ajudarmos na construção de uma sociedade com mais subjetividades negras fortalecidas”, explica.

Catu

Para a celebração do Novembro Negro de 2021, o Campus Catu preparou o evento “Juventudes Negras e Espaços de Sociabilidade” que acontecerá nos dias 17 e 18 de novembro. O primeiro dia de evento será uma roda de conversa que contará com a participação do docente, Célio José dos Santos, e da pedagoga, Cristiane de J. Santos, para debaterem o tema “Juventudes negras: o ‘fazer a cidade’ através da arte”, sob a mediação da Técnica em Assuntos Educacional, Gleiciele Oliveira. A roda de conversa acontecerá neste link na plataforma Google Meet, às 14h.

O segundo dia de evento é reservado ao Quintal do Neabi, programação cultural, em parceria com o Neabi Valença, com o tema: “Na gira do vinil: discotecagem de Música Africana e Afrodiaspórica”, sob a direção do professor Petry Rocha Lordelo. A discotecagem começa às 18h, no perfil do Instagram @neabi_ifcatu, e tem como convidados os artistas Ras Elias, cantor, compositor e instrumentista baiano, e N’Ang, artesão, dançarino, MC e poeta.

Confira as tags desta publicação:

Endereço: Rua do Rouxinol, nº 115 – Bairro: Imbuí | Salvador - BA CEP: 41720-052 | CNPJ: 10.724.903/0001-79 | Telefone: (71) 3186-0001
E-mail: gabinete@ifbaiano.edu.br